Postura adequada na direção de veículos pode prevenir dores e acidentes - Dra. Ana Motta e Equipe

Siga-nos

Postura adequada na direção de veículos pode prevenir dores e acidentes

Ajuste adequado de bancos e espelhos ajudam a manter a postura na hora de dirigir.

 

Até há quem diga que dirigir é uma terapia. Contudo, o mais comum é ouvir reclamações dos mais diversos tipos quando o assunto é ter que passar horas atrás do volante, enfrentando trânsito das grandes cidades. Em alguns casos, as reclamações continuam mesmo depois do percurso concluído. São as dores causadas pelos movimentos repetitivos e pela postura inadequada na hora de dirigir. Será que você está fazendo algo errado? Confira as dicas que separamos para você entender quais as práticas inadequadas mais comuns na hora de dirigir, e como você resolvê-las:

Imagem: Shutterstock

Banco

O ajuste incorreto do banco é uma das principais causas de dores que ocorrem após longas horas dirigindo. O ideal é que ele tenha uma discreta inclinação, em torno de 100º. A coluna deve estar totalmente apoiada no encosto e altura deve levar em consideração a visibilidade do condutor e o alcance dos pedais sem grandes esforços. Sentar sempre nos isquios, que são os dois ossos do quadril, como se estivesse empinando o quadril.

Espelhos

Os espelhos devem permitir boa visualização ao motorista sem que ele precise rotacionar o tronco e/ou a cabeça. Se você fazer algum esforço extra na hora de conferir os retrovisores, considere o reajuste imediatamente.

Volante

A distância recomendada do volante deve permitir que o motorista fique com os braços levemente flexionados. Nunca esticados. Isso permitirá um espaço seguro para a realização de manobras sem que o volante encoste em alguma parte do corpo do condutor.

Pés

Com o ajuste adequado dos bancos, os pés terão menos dificuldades para operar os pedais do carro e isso já ajuda, e muito, a evitar dores durante ou após a atividade de dirigir. Porém, uma outra dica preciosa é – sempre que possível – descansar os pés e pernas apoiando-os totalmente no chão.

Cabeça

Por fim, não negligencie os encostos de cabeça. O acessório é um item de segurança obrigatório e tem a função de evitar o “efeito chicote”, movimento brusco da cabeça no caso de uma colisão traseira e que pode causas sérias complicações às vértebras cervicais. No dia-a-dia, o encosto de cabeça auxilia na prevenção de dores musculares na região superior do tronco.

Continue acompanhando o nosso blog e fique por dentro de outras dicas sobre como melhorar sua postura nas atividades do cotidiano e obter muito mais qualidade de vida.

Receba dicas e novidades para melhorar sua saúde

Assuntos relacionados